Notícias

Qual a diferença entre PCR e qPCR?

  • Pipetando em tubos para PCR

    Pipetando em tubos para PCR

O que é PCR?

A técnica PCR (Polymerase Chain Reaction ou Reação em Cadeia da Polimerase) consiste basicamente na amplificação “in vitro” de uma região específica de DNA com intuito de aumentar o número de cópias deste, a fim de produzir material suficiente para as diversas análises. Ou seja, o método é utilizado para fazer muitas cópias de uma determinada parte do DNA.

O processo de PCR ocorre em 3 etapas:

  1. Desnaturação– em uma temperatura de 95°C ocorre a separação da dupla fita de DNA.
  2. Anelamento ou Hibridização– em uma temperatura de 60 a 64°C os primers se ligam/anelam às suas sequências complementares de DNA (a região que se pretende amplificar) e servem como iniciadores para a enzima polimerase.
  3. Extensão ou polimerização– com o ponto de partida já identificado, aos 72°C, a taq polimerase liga-se a fita sinalizada pelo primer, complementando-a, e inicia a sequencia que será replicada, formando novamente uma fita dupla de DNA.

São realizados aproximadamente de 40 a 60 ciclos como este, promovendo a amplificação de determinada região que se pretende analisar, seja ela um loco humano específico ou material genético de microorganismos.

 

O que é qPCR ou PCR em Tempo Real?

A PCR em Tempo Real (Real Time Quantitative PCR) é uma variação da técnica de PCR, a qual permite que a amplificação e detecção ocorram simultaneamente. O resultado é visualizado em Tempo Real durante a amplificação da sequência de interesse, com capacidade ainda de gerar resultados quantitativos com maior precisão.

Durante a amplificação, a quantificação é determinada pela quantidade de produto amplificado durante cada ciclo, através da fluorescência emitida. Esta metodologia utiliza um equipamento com sistema de monitoramento da emissão da fluorescência.

 

Porque os materiais utilizados na qPCR precisam ser ESPECIAIS?

A combinação de excelente sensibilidade e especificidade, baixo risco de contaminação, alto desempenho e velocidade, faz com que a tecnologia de PCR em tempo real (qPCR) seja uma alternativa mais atraente do que os métodos convencionais.

Para obter resultados confiáveis, é necessário utilizar materiais e equipamentos diferenciados, com propriedades óticas específicas que não interfiram na emissão ou leitura da fluorescência gerada durante a reação. Pois caso isso aconteça, pode inviabilizar ou mesmo ocasionar um resultado errado.

Os produtos Kasvi para qPCR foram desenvolvidos de acordo com todas as exigências que a metodologia necessita. Conheça toda a linha: