Notícias

A técnica de Cultivo Celular e os tipos de Cultura

  • Cultivo de Celulas - placa

A técnica de cultivo celular se iniciou no início do século XX com a finalidade de estudar o comportamento de células animais fora do organismo, em meio controlado. O cultivo celular compreende um conjunto de técnicas que permitem manter células e tecidos in vitro, conservando ao máximo suas propriedades fisiológicas, bioquímicas e genéticas. Atualmente, a cultura de células não se limita apenas ao estudo do comportamento de tecidos e células. Seu uso se estende à medicina, pois possuem um importante papel no tratamento de doenças degenerativas.

Existem três tipos de cultura celular: a de células primárias, linhagem celular contínua e células transformadas.

PLACA DE PETRI 90 X 15 MM. 10 UN/PCT Placa de Petri para cultivo de células
> Confira

Células primárias

A cultura de células primárias é estabelecida a partir de tecidos. Estas células são obtidas através de desagregação mecânica ou enzimática. As células que sobrevivem a este processo aderem à garrafa e formarão a primeira monocamada de células daquele tecido, por isso são chamadas de células primárias.

Esta forma de cultivo é muito utilizada para estudar o comportamento de determinada célula in vitro, pois mantém as características genotípicas e fenotípicas das células. Porém elas possuem um tempo de vida muito curto, pois acontece a apoptose, que é a morte celular para renovação tecidual. Essa morte é programada e não causa danos.

> Placas para cultivo de células

Linhagem celular contínua

As células que não perderam as características de origem e possuem alta proliferação são chamadas de linhagem celular contínua. Podem ser mantidas em cultura por um longo período de tempo e ainda guardam características do tecido original. Essas células são utilizadas em pesquisas e na produção de vacinas.

> Frascos para cultivo de células

Células transformadas

Quando as características da célula são modificadas, elas deixam de ser geneticamente e morfologicamente semelhantes ao tecido original e por isso são chamadas de células transformadas. Podem ser transformadas através de substâncias químicas, vírus ou agentes físicos. Estas células são utilizadas em estudos de citotoxicidade, controle de qualidade, entre outros.

O maior desafio para manter uma cultura de células é evitar contaminação e manter as características das células durante seu desenvolvimento em cultura. Por isso, é muito importante que além de estéreis, livres de nucleases (DNase e RNase), livre de pirogênios e não citotóxicos, os materiais para cultivo celular também sejam tratados para a adesão celular.

 

A Kasvi oferece duas linhas para cultivo celular, além de equipamentos relacionados:

> Linha de Cultivo Celular Kasvi

> Linha de Cultivo Celular TPP

 


Referência
Molinaro E., Caputo L.F., Amendoeira M.R. Conceitos e Métodos para formação de profissionais em laboratórios de saúde – volume 2. Rio de Janeiro: EPSJV/Instituto Oswaldo Cruz, 2010.