Notícias

A importância da qualidade para o Cultivo Celular

  • Meios de cultura

O cultivo celular consiste na manutenção e crescimento das células em um ambiente artificial. As células são isoladas e mantidas em condições ideais de temperatura, umidade, nutrição e também livre de contaminantes. As técnicas de cultivo celular permitem realizar estudos e experimentos de diversos tipos como investigar a resposta das alterações da célula, crescimento e desenvolvimento de tecidos, propriedades  de agentes cancerígenos, efeito de drogas e compostos tóxicos, biofármacos, genética, etc.

O processo de cultura celular tem sido amplamente utilizado desde o início do século XX para explorar o comportamento das células. Inicialmente foi utilizada com fragmentos de tecido, mas as técnicas foram se desenvolvendo ao longo do tempo e permitiram estudar um pequeno número de células de um único tipo derivado da expansão de uma população original. Nas últimas décadas, tornou-se ferramenta indispensável ​​desde a biologia molecular e biotecnologia até as ciências biomédicas aplicadas.

A principal vantagem é a consistência e reprodutibilidade dos resultados que podem ser obtidos quando utilizados os protocolos baseados em qualidade e boas práticas de laboratório.

Embora com grande potencial e aplicações a cultura celular precisa de cautela, pois existe a possibilidade de contaminação cruzada por outros tipos de células, vírus ou mesmo outros microrganismos.  Mais um ponto são os meios ricos em nutrientes utilizados para propagar as células e, portanto, propiciam também o crescimento de diversos organismos. Assim é necessária uma condição estéril para que o crescimento aconteça de forma adequada e controlada.

 

Condições para o Cultivo de Células

As condições de cultura variam muito para cada tipo de célula, mas o ambiente artificial no qual as células são cultivadas consiste num recipiente adequado contendo um substrato ou meio que fornece os nutrientes essenciais (aminoácidos, vitaminas, minerais) e ambiente físico-químico controlados (temperatura, pressão e pH).

Para que haja uma proliferação bem sucedida, as condições de cultura precisam ser apropriadas preservando as características que se assemelham muito as da célula no ambiente natural. Dessa forma, o ambiente de cultivo deve simular o ambiente de origem da célula.

É necessário conhecer as células e do que elas necessitam para proliferação. As culturas celulares são descritas de duas maneiras, origem das células e formas de crescimento.

 

Origem das células

  • Células primárias: isoladas de um tecido animal ou vegetal
  • Linhagens celulares contínuas: tem uma elevada taxa de crescimento, transformação espontânea de linhagens primarias ou finitas.
  • Células transformadas: foram modificadas a partir de células normais.

Leia mais>> A técnica de cultivo celular e os tipos de cultura

 

Forma de Crescimento das Células

As células são classificadas pela maneira como crescem na cultura líquida ou em meio semi-sólido. Essas características de crescimento dependem da origem da célula.

  • Células em suspensão: crescem suspensas no meio, são capazes de se proliferar sem a fixação ao recipiente.
  • Células aderentes: crescem em uma monocamada ligada a superfície do recipiente de cultura.

As propriedades dos materiais utilizados, o ambiente livre de contaminação e a qualidade do procedimento também são muito importantes, uma vez que todos esses detalhes garantem uma ótima condição de cultura celular e são fundamentais para a precisão do resultado final.

 

Qualidade dos materiais no cultivo celular

As condições de cultura e os protocolos estabelecidos é que trarão o resultado satisfatório do cultivo celular. Porém laboratórios diferentes podem manipular suas amostras de formas diferentes, por isso é tão relevante estabelecer padrões de qualidade.

Alguns laboratórios ainda recorrem a recipientes de vidro para realizar a cultura, contudo eles devem ser meticulosamente limpos e esterilizados para não apresentar vestígios de material proteico, pirogênios, depósitos de água e outros materiais residuais.  A cultura celular precisa, essencialmente, estar livre de contaminações.

Por essa razão, muitos laboratórios utilizam recipientes descartáveis ​​de plástico para cultura celular. Esses produtos devem apresentar diversas características que propiciem o crescimento celular e ainda estar livre de DNAse e RNAse, caso contrário a análise pode ser fortemente prejudicada.

A TPP é uma linha comercializada pela Kasvi e especialmente desenvolvida para a técnica de cultivo celular. Sua qualidade é reconhecida no mundo todo, sendo a marca preferida para trabalhar com cultura de células. Os plásticos descartáveis são fabricados com matéria-prima de alta qualidade e em rigorosas condições de esterilização.

Todos os produtos da TPP são livres de pirogênios, endotoxinas, substâncias citotóxicas, RNase e DNase, além de serem estéreis por radiação gama. Não há aditivos ao material evitando a lixiviação de substâncias nas amostras. Possuem área de crescimento tratada resultando em uma excelente proliferação celular.

Considerando todas estas propriedades, os produtos de TPP são apropriados e tem alta qualidade para entregar os melhores resultados aos laboratórios.

 

Conheça toda a nossa linha de produtos TPP: